O que desenvolvemos em cada fase do bebê e como os pais podem estimular seus filhos em casa

As fases de desenvolvimento psicomotor até os dois anos, geralmente ocorre da seguinte forma:
0 a 6 meses: controle dos músculos oculo-motores e equilíbrio da cabeça (fixar o olhar a partir de um estímulo, acompanhar objetos com a cabeça, ficar de bruços, rolamentos, fazer movimentos reflexos, etc).
Exemplos:
· Deitar o bebê de bruços , deixando objetos à frente,
· Pegar um chocalho e balançá-lo em todas as direções para que o bebê acompanhe com a cabeça,
· Deixar o bebê de bruços em cima de um rolo para sustentar a cabeça,
· Estimular o rastejar com dissociação de braços,
· Estimular o rolar no colchão ou em cima bola,
· Colocar músicas relaxantes, antes do sono, para relaxamento e massagear o bebê. Se preferir, dar banho em seguida. (relaxamento em todas as fases).
6 a 9 meses: desenvolvimento dos músculos do tronco e dos braços (sentar, explorar objetos, deslocar-se para frente, engatinhar, erguer e baixar objetos, etc).
Exemplos:
· Propor exercícios para pegar, amassar, lançar objetos, quebra-cabeças com peças grandes, encaixes, empilhagens,
· Colocar o bebê em cima de um rolo e balancear; em seguida deixar as mãos apoiadas no chão para fortalecer os braços,
· Utilizar uma bola grande e fortalecer coluna e pernas realizando a flexão.
· Incentivar o sentar, rastejar, controlar a postura sentado em cima do rolo com ou sem auxílio, permanecer em pé segurando em carrinhos de empurrar e estimular o engatinhar ,
·Estímulos táteis: mexer com farinha, fubá, gelatina, etc.
·Estimular o olfato e a visão através de alimentos, plantas, objetos, etc...
·Estimular a audição através de diferentes formas de executar sons : música, animais, palmas , pés, etc.
10 meses a 1 ano e três meses: fortalecimento de pernas para posição bípede e marcha com e sem apoio de objetos, até a aquisição de autonomia de movimento.
Exemplos:
·Propor circuitos que promovam os conteúdos rolar, engatinhar, rastejar, saltar, pular, passar por cima e por baixo de cordas ou bambolês,
·Confeccionar um cabo de vassoura como apoio para caminhar,
·Fortalecer pernas e coluna através da manipulação dos pés,
·Entrar dentro de um túnel para estimular o conceito dentro e fora,
·Usar músicas que envolvam expressividade para que conheçam animais, objetos, partes do corpo,
·Estimular a autonomia e noções de A.V.D. ( atividade da vida diária) com auxílio: escovar os dentes, comer sozinho, pentear-se, etc.
·Estímulos táteis: mexer, com farinha, fubá, gelatina, etc.
·Estimular o olfato e a visão através de alimentos, plantas, objetos, etc...
·Estimular a audição através de diferentes formas de executar sons : música, animais, palmas , pés, etc.
Gostaram das dicas?
Posts Recentes
Redes Sociais.
Procure por Assuntos:
  • LinkedIn - Black Circle
  • Facebook Black Round

© 2015 Corpo em Atividade

Evelyn de Paula Pereira
Profa. de Educação Física e Psicomotricista
CREF.: 003174-G/SP

 

Criação e Desenvolvimento

Rogério Restivo Webdesigner

www.restivo.com.br

rogerio@restivo.com.br