Atenção ao propor estímulos ao bebê

Alguns pais por falta de orientação especializada acabam promovendo certas antecipações na motricidade do bebê e isso pode ocasionar medos, inibições motoras , descompensações motoras e musculares, insegurança, que podem atrapalhar o desenvolvimento do bebê.

 

Devemos sempre estimular, incentivar e acolher emocionalmente um bebê durante seu processo de aquisição motora, mas devemos respeitar sua individualidade e maturidade, e não forçar habilidades que ainda não fazem parte de sua condição motriz e emocional.

A própria criança no decorrer de seu desenvolvimento buscará meios para desenvolver habilidades. Cabe a nós promover condições adequadas para estimular este serzinho em construção.

 

Fique atento aos padrões motores por idade. Segue o vídeo e estudo de Emi Pickler.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Please reload

Posts Recentes
Redes Sociais.
Please reload

Procure por Assuntos:
Please reload

  • LinkedIn - Black Circle
  • Facebook Black Round

© 2015 Corpo em Atividade

Evelyn de Paula Pereira
Profa. de Educação Física e Psicomotricista
CREF.: 003174-G/SP

 

Criação e Desenvolvimento

Rogério Restivo Webdesigner

www.restivo.com.br

rogerio@restivo.com.br